especialidades

Ortodontia

O QUE É ORTODONTIA?
Ortodontia é o ramo da odontologia especializado no diagnóstico, prevenção e tratamento das irregularidades dentais e faciais. O termo técnico para estes problemas é “má-oclusão”, que significa uma relação de contato incorreta entre os dentes superiores e inferiores.
A ortodontia visa a harmonia entre dentes, lábios e ossos maxilares, proporcionando um equilíbrio facial adequado.

445579 Aparelho ortodôntico antes e depois fotos 1 Aparelho ortodôntico, antes e depois – fotos

Quando procurar um especialista em Ortodontia?
Um especialista em Ortodontia deve ser procurado a partir da dentição de leite completa ou em qualquer fase da vida adulta. A partir dos 4 anos já é possível detectar problemas na mordida e iniciar um tratamento com técnicas próprias para a idade. Nesta idade, é comum observarmos problemas relacionados à respiração bucal, hábito de chupar dedo ou chupeta, interposição da língua (falar projetando a língua para fora ou interpor a língua no meio dos dentes durante a deglutição).

O exame precoce de uma criança permite que o ortodontista avalie e detecte possíveis problemas ortodônticos ou ortopédicos (esqueléticos) e possa planejar um tratamento preventivo.
O tratamento ortodôntico pode ser preventivo ou corretivo,podendo ser realizado em qualquer idade.

Por que buscar um correto alinhamento dos dentes?
Considerando o contato adequado entre os dentes superiores e inferiores, o correto posicionamento dos dentes contribui para uma melhor mastigação.
Dentes mal posicionados ou que não se encaixam direito são difíceis de conservar limpos e consequentemente, estão mais suscetíveis à ocorrência de cáries, doenças da gengiva e perda dentária. Eles também causam uma sobrecarga nos músculos da mastigação, o que pode acarretar dores de cabeça, dores na região dos ombros, costas, pescoço e ouvido.
A autoestima de uma pessoa frequentemente melhora à medida em que os dentes, lábios e face são conduzidos a uma harmonia. Neste caso, o tratamento ortodôntico pode beneficiar o sucesso social, profissional, bem como melhorar a atitude geral de uma pessoa em relação à vida.
Para cada paciente, construímos um plano de tratamento de acordo com o diagnóstico, o tipo de tratamento envolvido e a sua cooperação no processo. Em alguns casos, o tratamento poderá terminar antes do prazo previsto e em outros, poderá levar mais tempo para a finalização.

O que acontece se problemas ortodônticos não forem tratados?
Dentes mal posicionados podem facilitar o aparecimento de cáries e de doenças periodontais (perdas de osso em volta dos dentes) devido à dificuldade de higienizar os dentes quando eles não estão bem alinhados. Dentes protruídos (dentes para frente) são mais suscetíveis a traumas e fraturas.
Dentes desalinhados podem prejudicar a autoestima do indivíduo. Dores musculares, dores na face e outros problemas funcionais podem ocorrer devido à falta de tratamento ortodôntico.

 

Dicas 

Como escovar os dentes

  • Durante a escovação, se estiver usando elásticos intermaxilares, retire-os. Utilize preferencialmente uma escova dental ortodôntica e lembre-se de trocá-la sempre que as cerdas começarem a abrir.
  • Escove a parte de cima da língua.
  • Na parte de dentro dos dentes da frente, use a escova na vertical com movimentos para cima e para baixo.
  • No lado de fora de todos os dentes e no lado de dentro dos dentes de trás posicione a escova num ângulo de 45° na linha da gengiva e faça pequenos movimentos de vai e vem.
  • Na superfície de mastigação dos dentes, use a escova na horizontal com movimentos de vai e vem.
  • Onde houver o fio metálico ortodôntico, introduza e vibre as cerdas da escova entre o dente e o fio. Faça isso com as pontas viradas para baixo e depois para cima.
  • Você pode fazer o mesmo com uma escova interdental, limpando os espaços entre os dentes e ao redor do aparelho ortodôntico.

Como usar o fio dental
O uso do fio dental é tão importante quanto a escovação. Ele é fundamental para remover a placa bacteriana e os resíduos de alimentos que ficam entre os dentes, lugares onde a escova não alcança.
Após as refeições, além da escovação, limpe os dentes com um fio dental de ponta rígida ou utilize um fio normal com a ajuda do passa-fio. Não utilize palitos de dente, eles podem danificar o aparelho ortodôntico.

Alimentação

  • Quando se usa aparelho ortodôntico, alguns alimentos devem ser evitados, pois podem causar danos ao aparelho. Evite:
  • Alimentos duros ou crocantes, como pipoca, amendoim, nozes, frutas com caroço, gelo,etc.
  • Alimentos grudentos e pegajosos, como goma de mascar, caramelo,etc.
  • Doces, como biscoitos, balas e chocolates.
  • Frutas e verduras cruas (maçã e cenoura, por exemplo) sem antes cortá-las em pequenos pedaços. Cortando-as, a pressão sobre seu aparelho reduzirá.